A produção social das imagens em arte e design

Autores

  • Elenir Morgenstern
  • Alberto Cipiniuk

Palavras-chave:

Design, Arte, Antropologia

Resumo

Este artigo apresenta parte da pesquisa de doutorado "Arte e Design: fronteiras evanescentes?". A referida investigação, cujas reflexões fundamentam-se na antropologia, procurou definir o que atualmente é nomeado pelo termo ‘design’, num questionamento acerca das fronteiras em que se estabelecem suas bases. Com fundamento teórico na sociologia, a pesquisa efetuou empiricamente um cruzamento entre artefatos literários representativos dos campos da arte (visual) e do design (gráfico). Dentre as reflexões desenvolvidas, a investigação destacou designers e artistas enquanto produtores de imagens. O presente artigo examina este ponto da pesquisa, destacando designers gráficos e artistas visuais que, integrados a contextos sociais, culturais e históricos específicos e datados, constituem-se agentes nos processos produtivos de imagens. Ou seja, destaca as práticas sociais como constitutivas das produções imagéticas de designers e artistas. Ao final, o artigo remete esse exame para o contexto geral do design gráfico no Brasil, especialmente no tocante à pesquisa e seus métodos.

Downloads

Publicado

2015-10-16

Edição

Seção

Artigos